Palestra sobre Seguridade Social

14/05/2004

Carlos Montaño, da Escola Superior de Serviço Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ, abriu o Simpósio de Serviço Social, com a palestra sobre o "Terceiro Setor". Realizado pela Faculdade de Serviço Social de Presidente Prudente - FSSPP em conjunto com o D.A. "XV de Maio", o evento teve início ontem, no Salão Nobre da Toledo/PP.
Doutor pela UFRJ, Montaño é autor de livros como 'Terceiro setor e questão social: crítica ao padrão emergente de intervenção social' e 'La Naturaleza Del Servicio Social: un ensayo sobre su génesis, su especificidad y su reproducción', adotados pela FSSPP.
Em entrevista coletiva para a imprensa prudentina, Montaño disse que é necessária uma mudança na seguridade social. "As ações acabam sendo assumidas pela sociedade civil por meio das ONGs. Essas organizações têm grande aceitação, mas a responsabilidade social é do Estado, entretanto é abandonada por causa dos compromissos fiscais, e não resta recursos para uma política social decente".
Segundo ele, a transferência de cerca de R$ 1 trilhão para as organizações, chamadas de 'terceiro setor', é a declaração da ineficiência do Governo. "As próprias ONGs não se desenvolveriam sem uma parceria com o Estado. O cidadão não tem direito a uma saúde pública, ele perde o direito a cidadania. O 'terceiro setor' é uma demanda lucrativa para o Estado que assiste à população por meio da filantropia", finalizou Montaño.
Nesta sexta-feira, dia 14 de maio, Luziele Tapajós, Assessora para Área de Informação da Secretaria Nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, ministrará a palestra "Políticas Sociais/Sistema Único de Assistência Social". Doutora pela PUC/SP, na área de Política e Seguridade Social, ela representará a Secretária Nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Márcia Helena de Carvalho Lopes, que precisou cancelar sua vinda ao Simpósio, por compromissos junto àquele Ministério.
Os alunos promoverão, no dia 15, sábado, Dia do Assistente Social, às 8h, uma mesa redonda sobre "A Redução da Maioridade Penal", com a participação do Promotor de Justiça Jurandir José dos Santos, da assistente social Maria Auxiliadora Rolo e das psicólogas Ruth Hayashida Tomiyoshi e Ângela Marta Travessa.
O promotor atua na área civil-criminal, além de atuar também nas áreas de defesa do consumidor, urbanismo e acidente de trabalho. Especialistas em Orientação Familiar - Presidente Prudente e Violência Doméstica contra Crianças e Adolescentes - LACRE/USP, Maria Auxiliadora e Ruth atuam no Fórum de Presidente Prudente. Maria Auxiliadora é assistente social judiciário, Ângela é Coordenadora do Posto da Febem de Presidente Prudente - Responsável pela Execução das Medidas Sócio-Educativas em Meio Aberto e Ruth é psicóloga judiciário. Ângela e Ruth são especialistas em Psicologia Jurídica pelo Conselho Regional de Psicologia - CRP.
A mesa redonda encerrará o Simpósio de Serviço Social.